Ir para conteúdo

  • Entrar usando o Facebook Entrar usando o Twitter Log In with Google      Entrar   
  • Cadastre-se
  •  

Toggle shoutbox Fórum Run2Play.com.br Abrir o Shoutbox num popup

Fórum com discussões sobre games em todas as plataformas. Suporte Microsoft, Nintendo e Sony. Em caso de dúvidas faça um novo tópico!
@  Theofer : (27 julho 2014 - 11:21 ) o um spin off de mas effect, ficaria bom nos moldes de destiny e em terceira pessoa
@  Theofer : (27 julho 2014 - 11:20 ) o que mais a Bungie faria?
@  Theofer : (27 julho 2014 - 11:20 ) opa
@  Born : (27 julho 2014 - 05:24 ) E as piadas no meio que merda é essa?!??!
@  Born : (27 julho 2014 - 05:24 ) Sacred 3 meio fail... perdeu a liberdade e customização, e virou um clone de diablo 3 mais amalur
@  LavosBR : (27 julho 2014 - 02:31 ) haha, os spartans ganharam roupagem variada, e a cortana retroagiu pra um fantasma haha
@  kamez0r : (27 julho 2014 - 02:03 ) Mal posso esperar pela edição especial de Destiny com os bonequinhos do Masterchief e da Cortana :rolleyes: :rolleyes:
@  Born : (27 julho 2014 - 01:55 ) :/
@  LavosBR : (27 julho 2014 - 01:33 ) Sacred parece que virou mais ação.... Diablo desfazendo escola....
@  Born : (27 julho 2014 - 01:05 ) Espero, só não gostei tanto das coisas repetitivas dele - e tomara que muito conteúdo seja livre de início e não pago depois
@  kamez0r : (27 julho 2014 - 12:48 ) Beta só pra upar e jogar o modo conquista mesmo, o hype mesmo é pelo o que o jogo pode se tornar.
@  Born : (27 julho 2014 - 12:42 ) Repetitivo e meio limitado demais no Beta
@  Born : (27 julho 2014 - 12:41 ) Sobre o Destiny: bom jogo, mistura mesmo de Halo e Borderlands com temas Star Wars - mas nada que justifique o hype que o povo tem
@  Born : (27 julho 2014 - 12:41 ) Putz que coisa, mudou de desenvolvedora fudeu então
@  Born : (27 julho 2014 - 12:40 ) Vou jogar agora a tarde
@  † HellRaiser † : (27 julho 2014 - 12:09 ) totalmente diferente, virou um joguinho de beat'em up normal
@  † HellRaiser † : (27 julho 2014 - 12:08 ) quem jogou?
@  † HellRaiser † : (27 julho 2014 - 12:08 ) RIP Sacred
@  Warlike wolf : (27 julho 2014 - 12:45 ) alguém com problemas na Live? Não consigo acessar os amigos!
@  kamez0r : (26 julho 2014 - 09:44 ) Liberaram novos mapas pro modo conquista também, daora

Foto
* * * * * 2 votos

[Review] Diablo Iii (Pc, Xbox360, Ps3, Ps4)

review

36 respostas neste tópico

#1 Born

Born

    Moderador Multiplataforma

  • Moderadores
  • 15071 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo, Capital
  • Steam:BornKnight74
  • Live:Born Knight 74
  • Raptr:Born Knight 74
  • Outras redes:Xbox Live: Born Knight 74
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Xbox One, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, Playstation 4, Nintendo 64, Outros

Postado 09 setembro 2013 - 17:31

*
POPULAR

Diablo III
 
 
diablo-3.jpg
 
 
Desenvolvedor: Blizzard Entertainment
Produtora: Blizzard Entertainment
Designers: Josh Mosquiera, Leonard Boyarsky (Fallout / Diablo), Jay Wilson
Compositores: Russell Brower (WoWarcraft / Starcraft / Diablo), Derek Duke, Glenn Stafford
Série: Diablo
Platformas: Microsoft Windows, OS X, PlayStation 3, Xbox 360, PlayStation 4
Data de Lançamento: 15 de Maio, 2012 (Computador) / 03 de Setembro, 2013 (Xbox 360 e Ps3) / 2014 (Playstation 4)
Gênero: RPG de Ação / Hack and Slash  / Dungeon Crawler
Modalidades: Singleplayer / Multiplayer
Censura: Mature ESBR 17+
 
"Diablo III" é um RPG de ação, do estilo Dungeon Crawler misturado com Hack and Slash, desenvolvido e produzido pela Blizzard, sendo a 3a. versão do aclamado jogo, de 1996: originalmente o jogo Diablo III era exclusivo de PC, lançado em 2012 e foi anunciado posteriormente para os consoles domésticos. Dificilmente alguém não conhece o jogo, mas se alguém se enquadra nisso, ele é um jogo em que se controla um personagem em visão de 3a. pessoa isométrica através de diversos cenários, de um mundo de fantasia medieval, enfrentando ondas de diversos inimigos e chefões, se podendo durante o jogo dar Upgrade em poderes e trocar suas armas e armaduras.
 
No PC, Diablo III bateu um record como jogo que mais vendeu rapidamente no mundo, vendendo 3,5 milhões de cópias nas primeiras 24h de lançamento, e foi o jogo que mais vendeu de PC em 2012, com mais de 12 milhões de cópias vendidas - foi criticado positivamente pela imprensa, com o negativo sendo pelo fato de só poder ser jogado Online devido a DRM, coisa que não ocorre nos consoles.
 
Aqui comento da versão de Xbox 360: nunca joguei a versão de PC (apesar de ter lido e visto muitos vídeos sobre ela), tendo jogado Diablo I muito e Diablo II razoavelmente. O jogo possui 6,66Gb de dados na sua ISO.
 
História: o jogo se passa em Santuário, o mundo de fantasia dark da série Diablo, 20 anos após os acontecimentos de Diablo II. Deckard Cain e sua sobrinha Leah estão na Catedral de Tristram investigando textos antigos sobre uma profecia agourenta. Um meteoro, citado nas profecias cai do céu atingindo a Catedral, e criando uma cratera profunda na qual  Deckard Cain desaparece.
 
O protagonista chega à cidade de Nova Tristram para investigar a estrela cadente que atingiu a catedral, que está agora emanando uma energia e ressuscitado mortos, e que por acaso foi a mesma catedral que foi o cenário de Diablo. O protagonista acompanha Leah à catedral, a fim de resgatar Caim da cratera em que ele caiu. Após resgatar Cain, o protagonista descobre que a única maneira de parar o meteoro e o caos que gerou é derrotar o Rei Leoric, o ex-governador de Tristram conhecido agora como o "Skeleton King '. A medida que a história se desdobra, através de 3 Atos, você segue uma série de pistas e Quests até o inimigo final, Diablo.
 
Os personagens possuem história de fundo, mas nada desenvolvida, mas no contexto da história, para cada sexo e tipo de classe que escolhemos, cada qual com seus diálogos próprios. Todos os NPS que surgem no jogo possuem linhas de diálogo, não muito longas, mas todas com vozs, contando um pouco de suas histórias, em listas de tópicos. Esperava um pouco mais de desenvolvimento nessa parte depois de tantos anos.
 
xboxmultiplayer598jpg-e93521.jpg
 
Gráficos: os gráficos para consoles estão bons, dentro do estilo do jogo - em comparação com o PC, o nível de gráficos não é o mesmo, apesar de ser parecido, com algumas diferenças de polimento e texturas, além de arranjo gráfico de interface.
 
Os gráficos apresentam-se como se fossem desenhados a mão, detalhados e com cores que lembram aquarelas e graphic novels, tendo uma orientação a quadrinhos mesmo. A visão é a clássica do jogo, vista de cima, em 3/4, com objetos de interesse e inimigos que ficam atrás das paredes vistos por contornos de cores, ao se aproximar o suficiente. Como nos predecessores, o mapa é coberto por um War Fog, que vai sendo limpo a medida que se explora o mapa. Muitos elementos dos ambientes podem ser destruídos, podendo liberar saques. O mesmo se aplica aos inimigos, que podem ser destruídos e ter seus membros decepados e jogados em várias direções da tela, inclusive na sua direção.
 
A abertura apresenta-se em duas partes, uma desenhada em pergaminho, animada, e outra em uma animação com gráficos muito detalhados e mais realistas, mas que apresenta pixelização de fundo nos efeitos de mais ação e explosões. Nos diálogos aparece uma pequena jaela com um Portrait do personagem, estático. Você possui entretanto um Banner com diversas opções gráficas e de cores, que possui ainda itens de design especiais, destravados após completar algumas challanges específicas.
 
Nos cenários, observa-se efeitos de luzes atmosféricos nas diversas fases, sempre escuras, se passando a noite ou em calabouços e masmorras subterrâneas da Catedral, slém de é claro, efeitos de fumaça e aparições, bem como das magias que chamam a atenção. como nos jogos anteriores, cada peça de arma ou armadura diferente que se usa, altera a aparência do personagem na tela - na escolha de personagem se escolhe a classe, sexo e nome, mas nada mais além disso de customização.
 
Áudio: a música do jogo segue o padrão dos outros jogos, ou seja, possui a música tema típica e estilo próprio da franquia Diablo e outras com muitas cordas ao fundo, sendo mais discreta e dando realce ao que passa na tela. Para quem acompanha a série, é a mesma música de sempre.
 
Na parte de dublagens, as atuações são de boas a razoáveis, achei na verdade em grande parte meio cliches com sotaques forçados dependendo do personagem. Na parte de sonoplastia, os barulhos de ossos e objetos quebrando, golpes, magias, explosões e tudo mais achei realmente muito bem trabalhadas e dão reforço ao clima do jogo.
 
Gameplay: o estilo geral de gameplay do jogo, é um Hack and Slash baseado em um sistema de Dungeon Crawler, usando um personagem de uma classe específica, cada qual com sua vantagem e desvantagem, onde avançamos por diversos mapas e áreas, que são mostradas a medida que se explora elas, lutando contra diversos inimigos, espalhados nelas, que ao serem mortos liberam XP, além de Coins e eventuais itens, como armas, peças de armaduras e poções, que podem ser trocadas e vistas em detalhes em uma tela de Inventário que mostra o personagem.
 
Você pode escolher entre 5 classes iniciais de jogo, cada qual com suas características (no PC existe uma 6a. classe, que talvez apareça mais para a frente como DLC): Barbarian (classe estilo Fighter, com base em armas e força bruta, com ataques de curta distância fortes e alta resistência física), Witch Doctor (uma espécie de Necromancer, que usa magias que controlam os mortos), Wizard (classe Mage, baseada em Magias e ataques mágicos a distância com baixa resistência), Monk (classe estilo Paladin, com base em poderes de cura e ataques físicos) ou Demon Hunter (classe estilo Thief ou Archer, com ataques feitos a distância).
 
Nesse jogo, a saúde não se regenera, a não ser que você possua magias de regeneração, use poções, ou então equipe alguma armadura com propriedades de regeneração; mesmo que se morra, pode-se continuar, e existe a opção de continuar no checkpoint, no seu corpo caído, ou na vila. A diferença é nos personagens Hardcore, que devem alcançar o Level 10 antes de se poder criar novos personagens dessa dificuldade, e que se mortos, não podem ser ressucitados.
 
Os pontos de save são automáticos, feitos pelo jogo em certas transições de áreas ou após algum evento importante. Temos as dificuldades Normal, Nightmare, Hell e Inferno, fases são Acts, divididos em Quests. Pode-se ter mais de um tipo de herói (até 10 diferentes por Save), cada um com sua classe, que obviamente é progredida a parte.
 
Existem NPC que são vendedores, no caso Haedrig Eamon o Blacksmith e Covetous Shen o joalheiro. Pode-se reunir armas e armaduras de classes diferentes, que são mostradas pela cor do nome, e estas podem ser vendidas ou então desmanteladas no armoreiro, para fornecer itens básicos que são usados na forja de novos itens com mais poderes, sendo que se pode investir também no Upgrade de Haedrig, que influência nos itens que podemos gerar depois.
 
A medida que se ganha XP, vai se dando Upgrade ao Level de seu personagem, pode-se conseguir novos poderes, e com o Coin, pode-se comprar novas peças de armas e armaduras, além de poções. Na tela de Status temos as opções: Inventory, Skills, Party, Quests e Lore. Em Inventory podemos ver todos os itens equipados no personagem, sendo que para cada área do corpo podemos equipar um item e o próprio jogo escolhe e equipa os melhores automaticamente.
 
Os itens possui uma interface simples, que mostra se são positivos ou negativos para o ataque defesa e vitalidade por meio de setas, e todos eles alteram a aparência do seu personagem que está na tela. Entre as armas, existem diversas sub-categorias, que podem ser usadas em diversas configurações, sendo que algumas delas são específicas para algumas classes, e ainda existe a subclassificação de armas em comuns, raras e especiais.
 
 
xboxmultiplayer460jpg-8821e3.jpg
 
Em Skills temos diferentes habilidades, de vários tipos: Primary (ataque básico que gera a barra de especial que é consumida do seu personagem com o uso), Secundary, Passive I, II e III, Rage, Might, Defensive e Tactics. Não existem árvores de Skills mais no jogo, e sim Skills fixas, dependentes de Levels, que variam de personagem para personagem e que podem ser mudadas a qualuer hora (não achei isso muito legal, tirou um pouco do sentimento de RPG e da complexidade e graça do jogo).
 
Em Quest vemos as Quests ativas, com sua descrição e prêmio em XP e Coins. Na parte de Lore, temos os diversos livros que se encontram pelo jogo, contando a história de fundo, além das divisões em People, World e o Bestiary. O jogo também possui como a exemplo de muitos outros, as Challanges, que são desafios específicos de cada classe, dificuldade e assim por diante, divididos por modalidades de gameplay.
 
Uma das outras novidades na franquia é o uso de Runas de Habilidade, que são liberadas de acordo com o Level de jogador, e possuem variações de poder e elementos, e que podem ser modificadas a qualquer hora, ao contrário dos outros jogos, onde eram itens soquetáveis e fixos. Achei isso um pouco decepcionante, pois não se pode fazer as variações que eram possíveis antes, e se fica limitado a poderes que todos jogadores tem iguais... sem falar que no gameplay geral não achei muita diferença entre uma ou outra Runa ativa.
 
O Engine do jogo usa o engine Havok ainda, o que é visível na destruição de cenários e inimigos e na particulação em pedaços destes, que voam para todos os lados, sendo uma parte gratificante do jogo. Além disso, pode-se ver partes do cenários em outras áreas vindo até a área de combate, apesar da tela principal manter a visão clássica isométrica do jogo. Além disso o design de fases, que muitas vezes possui uma linha central e imutável de Quests, pode receber variações a cada gameplay, dando uma certa aleatoridade, que também aparece em Sub-Quests, como pequenas áreas que existem em um gameplay, mas não em outro.
 
O jogo também inclui Followers, ou seja, personagens que encontramos durante o jogo, e que podem ser recrutados como combatentes extras, um de cada vez, para ajudar no gameplay, no caso Kormac dos Templários, Lyndon o Scoundrel e Eirena a Enchantress, cada qual com poderes específicos e que seguem o mesmo esquema de receber Upgrades a medida que recebem Level Up.
 
Existe ainda a introdução das chamadas Auction Houses (casas de leilão) na versão de PC do jogo, que envolvem transação de dinheiro real ou ouro recolhido no jogo, por objetos no jogo, como jóias armas, armaduras e equipamentos especiais, e que cobram uma taxa de 15% sobre a venda do artefatos com dinheiro, feito na região onde se joga o jogo. 
 
O jogo dos consoles também possui um modo PvP que foi introduzido em um dos Patchs de PC, e que se baseia em uma Arena onde até 4 jogadores podem se enfrentar, e que é acessado através de um NPC em New Tristam. Não gostei muito e achei meio sem sentido esse modo.
 
 
xboxmultiplayer682jpg-e9351f.jpg
 
Controles: é uma coisa relativa, eu sinceramente prefiro o mapeamento de comandos no PC, porque no console, apesar da boa adaptação, achei um tanto confusos entre tantas escolhas. Você mapeia os golpes e poderes como quiser, e como achar mais fácil de lembrar, entre as múltiplas opções de magias e modificadores destas disponíveis de acordo com seu Level no jogo.
 
Basicamente: Start - Menu de jogo, Back - Menu de Character, A - Skill 2, B - Skill 3, X - Skill 1, Y - Skill 4, RT - Skill 6, RB - Skill 5, LT - Target Lock, LB - Health Potion, analógico da esquerda - movimentação, analógico da direita - Evade, direcional cima - Fast Equip. direcional baixo - Mapa e direcional direita - Town Portal. 
 
Uma diferença com a versão de PC: a esquiva que se pode fazer rolando com o analógico da direita, que apesar de útil, não consigo coordernar muito com o resto.
 
Multiplayer: sim, possui, e aí entra um diferencial muito grande e positivo em relação a versão de PC: o jogo pode ser jogado Offline, ao contrário do de PC, e possui diversas modalidades de Multiplayer, sendo Co-Op Local para até 4 jogadores (SplitScreen) e Coop Online para até 4 jogadores. ainda se pode ter a opção de escolher entre jogadores da mesma região ou até mesmo da mesma línguagem de Dashboard.
 
No modo Local, os jogadores ficam restritos a mesma tela, e sempre que um avança demais na tela, o outro jogador é "puxado" para onde o primeiro está indo. Achei interessante, mas preferiria um sistema de Spliscreen para dar mais liberdade de movimentação.
 
Sobre o Multiplayer na rede medida que for testando o sistema de Multiplayer Online, edito aqui.
 
Resumo: o jogo era um lançamento com muito Hype para PCs e teve mais Hype ainda para consoles, com toda aquela questão de vir ou não para as plataformas.
 
Gostei do estilo geral do jogo, porque sou fã de jogos desse gênero, como o Dungeon Siedge 3 e Sacred 2, e o Diablo, apesar de não ser o primeiro, foi o que mais marcou o estilo. As novas inclusões de coisas extras no jogo me pareceram um pouco desnecessárias, como no caso dos Leilões e o PvP, mas o estilo geral do jogo é o que conhecemos na base do gameplay de ação.
 
Recomendo para quem é fã do estilo e / ou da franquia, com algumas ressalvas. Duas das grandes críticas a versão de PC do jogo eram o DMR e a Auction House (ausentes nos consoles), mas existe a questão de outras coisas: o jogo possui uma movimentação que achei mais dinâmica que nos outros jogos, mas não achei que tinha tantos inimigos como nos outros jogos e o sistema de Skills ou Habilidades, que era um diferencial dos outros, que aqui está mais simplificado - outro negativo é a história simplificada e superficial. 
 
Sei lá, acho que o jogo não teve tanto impacto para mim quanto os outros dois, e realmente esperava inovações no jogo, que não fossem inúteis ou simplificações de poderes (se tivessem seguido uma variação complexa de Skills ao estilo Baldur's Gate ia ser 10X melhor).
 
Mas na essência é um Hack and Slash muito bom, apesar de ter achado o Sacred 2, com todos seus problemas superior, na minha opinião.
 
Minha nota: 8,3 / 10,0 - como comparação, achei o Diablo I nota 9,3 / 10,0 e o Diablo II nota 8,7 / 10,0.
 

  • rodrigoMAROMBA, WebFalcon, Omenimon e 2 outros curtiram isso

fs_overall.png

 

DLSR Full-Frame: Agosto 2014 / Xbox One: Q3 2014 / Upgrade PC Q1 2015 / Ps4 / WiiU: só se tiver jogo que valha muito

 

 


#2 ejaisson

ejaisson

    Usuário Ocasional

  • Players
  • 72 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:Lages, SC

Postado 09 setembro 2013 - 17:50

Joguei muito Diablo 1 hehe... Acho que vou pegar este.. A versão para o 360 não é apenas Online certo??

 

Agora, a título de coincidência ou não...

 

O jogo possui 6,66Gb de dados na sua ISO.

 

No mínimo irônico para os conservadores de plantão hehe...


Imagem Postada


#3 Born

Born

    Moderador Multiplataforma

  • Moderadores
  • 15071 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo, Capital
  • Steam:BornKnight74
  • Live:Born Knight 74
  • Raptr:Born Knight 74
  • Outras redes:Xbox Live: Born Knight 74
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Xbox One, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, Playstation 4, Nintendo 64, Outros

Postado 09 setembro 2013 - 17:58

Joguei muito Diablo 1 hehe... Acho que vou pegar este.. A versão para o 360 não é apenas Online certo??

 

Agora, a título de coincidência ou não...

 

 

 

No mínimo irônico para os conservadores de plantão hehe...

 

Huasuausuas pois é, deve ter sido pensado o número, que não é possível.

 

Sobe o Online: ele não tem DRM, e retiraram essa imposição, então pode ser jogado offline sim, em até mais de uma pessoa:

 

"Multiplayer: sim, possui, e aí entra um diferencial muito grande e positivo em relação a versão de PC: o jogo pode ser jogado Offline, ao contrário do de PC, e possui diversas modalidades de Multiplayer, sendo Co-Op Local para até 4 jogadores (SplitScreen) e Coop Online para até 4 jogadores. ainda se pode ter a opção de escolher entre jogadores da mesma região ou até mesmo da mesma línguagem de Dashboard.

 
No modo Local, os jogadores ficam restritos a mesma tela, e sempre que um avança demais na tela, o outro jogador é "puxado" para onde o primeiro está indo. Achei interessante, mas preferiria um sistema de Spliscreen para dar mais liberdade de movimentação."

fs_overall.png

 

DLSR Full-Frame: Agosto 2014 / Xbox One: Q3 2014 / Upgrade PC Q1 2015 / Ps4 / WiiU: só se tiver jogo que valha muito

 

 


#4 Fefanightangel

Fefanightangel

    Usuário Ocasional

  • Players
  • 95 posts
  • Sexo:Feminino
  • Localização:Avantasia

Postado 09 setembro 2013 - 19:16

estou jogando ele também. 

joguei também no PC. Cheguei até o modo tormento, até que enjoei. Mas como ganhei de aniversário... comecei jogar de novo. 

 

E to gostando. Gostei muito dos controles. A esquiva, que não tem no PC, ajuda bastante em alguns momentos. 

Joguei um pouco o multiplayer com pessoas aleatórias. Sem lag. 

 

Até agora não tenho do que reclamar. A unica coisa que é ruim é o grafico que pra quem jogou no PC, é muito inferior. Quem não jogou no PC talvez nem ache tão ruim.


  • LavosBR curtiu isso


#5 LavosBR

LavosBR

    Usuário Master

  • Administradores
  • 12057 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:Em algum portal do tempo
  • Nintendo:LavosBR
  • PSN:LavosBR
  • Steam:SteamLavos
  • Live:xxLavosxx
  • Raptr:LavosBR
  • Outras redes:Origin: LavosBR
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, NES, SNES, Nintendo 64, Gamecube, Wii, Wiiu, 3DS, PS Vita, Outros

Postado 10 setembro 2013 - 11:28

História: É bem mais ou menos, previsível, superficial e ainda bem que o jogo vc pode jogar sem se preocupar em entender.

 

Jogabilidade: Boa, os controles são bons a não ser certos atrasos nos comandos, achei um tanto lerda a resposta a alguns comandos.

 

Sons: Está na média, tem aquele som de fundo característico da franquia. Nada maravilhoso. As falas são interpretadas, mas com diálogos são curtos, ou seja, não dá para saber se o trabalho de interpretação é realmente bom ou apenas a entonação de voz é adequada.

 

Gráfico: Se comparar ao PC vai ficar decepcionado, tudo parece um gibi no console (como se não fosse o suficiente no PC e que estragou ao meu ver) , os efeitos não são tão bonitos como no PC, mas dá para encarar o jogo sem maiores problemas.

 

Multiplayer: Nesse ponto há prós e contras, esse jogo é excelente se houver uma equipe para percorrer por todo o jogo, porém em caso de jogos com pessoas aleatórias vira apenas uma competição de quem mata mais e mais rapidamente, se você já terminou o jogo não vai se importar com alguém fazendo a limpeza na tela. Porém se você não terminou a melhor coisa é jogar o MP apenas se tiver uma pessoa com progresso parecido com o seu, pois é capaz de simplesmente você ficar apenas tentando matar algo.


Pontos positivos: O jogo é simples, divertido, não requer habilidade, é só seguir em frente matando tudo e recolhendo o que sobrar. É um jogo muito legal para quem quer jogar com amigos e sentia falta de um jogo action RPG simples, zero cérebro, 10 diversão.

 

Pontos negativos: As skills são banais, superficiais, se por um lado para quem é indeciso isso é um alívio, por outro os mais acostumados com RPG vão achar esquisito a falta de variações. O gráfico também deu uma caida, a série era mais sombria agora ficou parecendo um gibi novel sem aqueles tons mais sombrios.

 

No meu quesito leva nota 7.8 puxada praticamente toda pela diversão descontraída e despreocupada do jogo.


Tem alguma notícia que queira postar para o pessoal do fórum?

Poste AQUI
Após revisada ela vai para o portal!

Acompanhe o canal youtube.com/user/Run2PlayChannel

Google Plus https://plus.google.com/+Run2playBr


#6 luisao360

luisao360

    Usuário Senior

  • Players
  • 615 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:brasil

Postado 10 setembro 2013 - 13:11

puta merda nem sabia que tinha saido pro xbox agora em setembro O.o

eu vo ja comprar esse jogo

que foda, eu não entro uns dias no forum ja me arrependo kkkkkkkkkkkkk



#7 Born

Born

    Moderador Multiplataforma

  • Moderadores
  • 15071 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo, Capital
  • Steam:BornKnight74
  • Live:Born Knight 74
  • Raptr:Born Knight 74
  • Outras redes:Xbox Live: Born Knight 74
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Xbox One, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, Playstation 4, Nintendo 64, Outros

Postado 10 setembro 2013 - 14:43

@Lav0s resumiu tudo que achei também do jogo... cara sinto falta de um Baldur's Gate 3, vou te falar, mas sem invenções de querer inventar moda e deixar mais simples que nem fizeram no Diablo 3.

 

Ah, sobre o Multi: ontem fui atazanar a vida do X-Burguer (que estava jogando sem fone hahahaha dificuldades de comunicação), ele Level 29 e eu 11, nem preciso dizer que entrei na fases e fui morto... pelo menos reuni uns saques bons. Depois puxei ele para meu Save, mas então ele com o Level de personagens pulverizava os inimigos e todas as Quests acabavam em segundos hahaha

 

Então fica a dica: joguem com pessoas do seu Level. Depois vou testar os modos não-campanha e ver o que são...

 

@luisao360 Huasuasuasusa tá vendo Tio Born é informação!


fs_overall.png

 

DLSR Full-Frame: Agosto 2014 / Xbox One: Q3 2014 / Upgrade PC Q1 2015 / Ps4 / WiiU: só se tiver jogo que valha muito

 

 


#8 luisao360

luisao360

    Usuário Senior

  • Players
  • 615 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:brasil

Postado 10 setembro 2013 - 17:31

complementando meu comentario acima

tive oportunidade de jogar o game ainda hoje com amigos XD "por isso eh bom ter amigos viciados" kkkkkkkk

o jogo eh simples, não tem nada de incrivel

achei graficamente bonito, nada perfeito, mais se bem que para console esta bom

realmente as skills são bem pouco variadas, eu joguei ate o level 8 ou 9 com a galera hoje, e as skills que recebi são mais do mesmo

mais acho que isso não atrapalha a jogatina

acho que no caminho de se adaptar um jogo de pc cheio de comando para um console com recursos limitados, algumas coisas tem que ser diminuidas, e muitas vezes ate removidas, pra mim eles fizeram um bom trabalho

sobre historia, não prestei muita atenção, fui mais na porradaria e ja eras XD

queria chegar pelo menos ate um boos para ver qual era

o jogoeh extremamente viciante, mano joguei umas 3 horas seguidas e ainda quero continuar jogado XD

so acho que vou ter que comprar um pra mim kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

acho que a jogatna fica mais divertida jogando com uma galera mesmo

mais como ja foi dito, de preferencia alguem do seu level, e que não costume roubar kill e ferrar tudo

me lembrou bastante baldur's gate, e eu ja me matava de jogar ele no ps2

com certeza comprarei XD

eu dou uma nota 8, pela falta de variedade de skills, e algumas cositas mas 

não vou me extender muito

 

eu recomendo o jogo pra quem curti o genero

mais não espere quebra cabeças, e missões impossiveis

não eh um jogo dificil, e sim divertido, jogue com os amigos e seja feliz XD

 

quando comprar o game eu deixo uma opinião mais formada

talvez tenha alguma coisa que comentei, que mude mais para frente

 

parabens por mais um otimo review born =)

e semana que vem tem GTA V, ate que enfim a espera termina *____*


  • LavosBR, rodrigoMAROMBA e Born curtiram isso

#9 Bizz@rro

Bizz@rro

    Usuário Ocasional

  • Players
  • 96 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:Canoas?RS

Postado 11 setembro 2013 - 12:44

Dablo 2 fi o "the best". O Diablo 3 levou trocentos anos ra ser lançado e desagradou praticamente todos os fãs da série. Eu era viciado no D2 mas no D3 não consegui jogar até o final. Me desgostei antes.


  • Omenimon curtiu isso

#10 Omenimon

Omenimon

    Monado Shield

  • Elite VIP
  • 1898 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:Rio Grande/Rio Grande do Sul
  • Nintendo:BoutyHunter
  • PSN:MVCM_Rougue
  • Live:MVCM2
  • Outras redes:Nintendo Wii:3810-3265-5531-5140
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox 360, Xbox One, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, Nintendo 64, Gamecube, Wii, Wiiu, 3DS, PS Vita, Outros

Postado 11 setembro 2013 - 15:30

Francamente Diablo 3 perto dos outros da nem para o cheiro.

 

- Designer a la world of warcraft nada a ver com a série diablo que usa mais realismo na caracteristicas dos personagens e cores mais sombrias com tons cinzas.

 

- N existe build pois é tudo automatico até os atributos o jogo distribui automatico (mato 80% da graça do jogo)

 

Se o 4 algum dia sair se seguir está linha é mais um que risco da lista de compras igual fiz com Final Fantasy n sei pq as empresas tem mania de destruir as franquias que são top transformando em algo bem fraco perto de seus antecesores.

 

Em minha opinião Torchlight que por sinal é dos mesmos criadores do primeiro Diablo(que largaram a blizzard) é muito mais Diablo que Diablo 3 pena que ainda n tem o Torchlight 2 para consoles.

 

@Bizz@rro

 

Condordo com você tenho mais de 800 horas de jogo na série Diablo e realmente este 3 ta longe de ser um Diablo de verdade é mais um da queles casos que o jogo leva apenas o nome de uma franquia mas nem de perto chega a ser o que os outros da série foram.


Editado por Omenimon, 11 setembro 2013 - 15:35.

  • XBURGER e Rodsonoliveira curtiram isso

 


#11 titao_lacerda

titao_lacerda

    Usuário Ativo

  • Players
  • 167 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:MOSSORO
  • Live:rodrigospfc
  • Raptr:rodrigospfc
  • Plataforma de Jogos:Xbox 360, Xbox One, Playstation 2, Playstation 3

Postado 12 setembro 2013 - 18:05

No PC, Diablo III bateu um record como jogo que mais vendeu rapidamente no mundo, vendendo 3,5 milhões de cópias nas primeiras 24h de lançamento, e foi o jogo que mais vendeu de PC em 2012, com mais de 12 milhões de cópias vendidas

 

Quem ja teve experiencia com o 1 e 2 realmente nao deve ter gostado do 3  porque quase nao vendeu né Born

 

Apesar de ter ouvido falar muito,nunca joguei essa franquia, baixei a demostração no Xbox e nao paro de jogar.

Ate ja comprei uma copia so aguardando chegar, jogo muito viciante.



#12 Born

Born

    Moderador Multiplataforma

  • Moderadores
  • 15071 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo, Capital
  • Steam:BornKnight74
  • Live:Born Knight 74
  • Raptr:Born Knight 74
  • Outras redes:Xbox Live: Born Knight 74
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Xbox One, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, Playstation 4, Nintendo 64, Outros

Postado 12 setembro 2013 - 22:37

Galera sabiam que o Baldur's Gate 3 iria sair, anunciado em 2002 e teve rumores até 2012 (Oo EPIC HYPE), mas acabaram falando que iria ser uma história a parte e não seguindo a linha do 1 e 2. Agora está On Hold, devido a problemas legais.

 

http://en.wikipedia....The_Black_Hound

 

http://www.gamespot....al-hell-6410665

 

E nem sabia, mas teve uma versão aprimorada do Baldur's 1 com expansão, o http://en.wikipedia....nhanced_Edition

 

 

 

Quem ja teve experiencia com o 1 e 2 realmente nao deve ter gostado do 3  porque quase nao vendeu né Born

 

Apesar de ter ouvido falar muito,nunca joguei essa franquia, baixei a demostração no Xbox e nao paro de jogar.

Ate ja comprei uma copia so aguardando chegar, jogo muito viciante.

 

Muita gente comprou no Hype também e ficou puta da vida depois pelo que vejo hehehehe cara se der pega de PC o 1, que roda com requesitos de sistema baixos, e vai ver a diferença que enfureceu tanta gente. Mesmo descontando os Hatters que colocaram nota de usuário no Metacritic (onde a nota dele é 3,8 e usuários), a nota pelo menos de público (e são 3800 votos) são baixas, em comparação Diablo 1 teve 8,6 e o 2 8,7 de nota pública. 

 

Eu mesmo com os negativos curti também, adoro esse estilo de jogo.


  • LavosBR curtiu isso

fs_overall.png

 

DLSR Full-Frame: Agosto 2014 / Xbox One: Q3 2014 / Upgrade PC Q1 2015 / Ps4 / WiiU: só se tiver jogo que valha muito

 

 


#13 XBURGER

XBURGER

    Usuário com fritas

  • Elite VIP
  • 2343 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo - SP
  • Nintendo:XISBURGER
  • PSN:XBRGR
  • Live:XISBURGER
  • Plataforma de Jogos:Xbox 360, Xbox One, Playstation 4, Wiiu

Postado 13 setembro 2013 - 08:23

Cara.... eu estou me divertindo MUITO com o jogo, mas não chega NEM PERTO do que era o Diablo I e II como todos aqui falaram.... está MUITO fácil e mataram absolutamente o clima sombrio que o jogo tinha... o que é uma pena.... minha esposa mesmo disse que parece um jogo infantil quando me viu jogando.

 

Pelo menos uma coisa que gostei é que o gráfico roda a 60fps cravado e achei os controles muito bons. Não senti os atrasos que o Lavos disse, mas pode variar por personagem (jogo de mago)

 

Se tiver uma galera para jogar, é bacana!

o Born tava mega perdido, kkkk


  • LavosBR e Born curtiram isso

XBOX ONE: Day One Edition   >   WiiU: Deluxe Set   >   PS4: Sta Efigênia Edition

 

XISBURGER.png   XBRGR.png


#14 LavosBR

LavosBR

    Usuário Master

  • Administradores
  • 12057 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:Em algum portal do tempo
  • Nintendo:LavosBR
  • PSN:LavosBR
  • Steam:SteamLavos
  • Live:xxLavosxx
  • Raptr:LavosBR
  • Outras redes:Origin: LavosBR
  • Plataforma de Jogos:PC, Xbox, Xbox 360, Playstation, Playstation 2, Playstation 3, NES, SNES, Nintendo 64, Gamecube, Wii, Wiiu, 3DS, PS Vita, Outros

Postado 13 setembro 2013 - 10:13

Detalhes a adicionar:

 

Senti que o jogo dá umas engasgadas

 

O sistema de save me confunde, eu nunca sei exatamente em que ponto ele salvou a não ser quando aparece checkpoint e mesmo assim não sei se posso sair do jogo e retornar naquele ponto hahaha e outra, é impressão minha ou quando a gente retorna ao jogo, usando o save, o mapa aberto anteriormente volta a zero? Pelo menos notei isso num mapa onde revelei apenas 2/3 e quando voltei a jogar usando o save estava tudo fechado.

 

A única vez que morri foi para o monstro mais leso do jogo, uns gordinhos que explodem (relaxo meu que entrava no recinto e apenas segurava o botão de ataque e esperava limpar a sala), o resto foi apenas segurar o botão A e ser feliz. O jogo nem é um mashing button, é um HOLD button kkk

 

O jogo é divertido pelo gênero e tipo, eu prefiro a mecânica do Dragon Age Origins, mas é legal e um bom passa-tempo, porém jogo é superficial demais, é quase um jogo avançado que vc provavelmente vai encontrar no Facebook daqui um tempo kkkk nao vi nada de especial é mais do mesmo, ou melhor, é um pouco menos do mesmo.


  • XBURGER curtiu isso

Tem alguma notícia que queira postar para o pessoal do fórum?

Poste AQUI
Após revisada ela vai para o portal!

Acompanhe o canal youtube.com/user/Run2PlayChannel

Google Plus https://plus.google.com/+Run2playBr


#15 XBURGER

XBURGER

    Usuário com fritas

  • Elite VIP
  • 2343 posts
  • Sexo:Masculino
  • Localização:São Paulo - SP
  • Nintendo:XISBURGER
  • PSN:XBRGR
  • Live:XISBURGER
  • Plataforma de Jogos:Xbox 360, Xbox One, Playstation 4, Wiiu

Postado 13 setembro 2013 - 10:18

 é um pouco menos do mesmo.

Gostei da definição!

 

Tentei jogar em dificuldades mais altas, mas senti que não muda muito a coisa.... continua a mesma experiência mas você precisa desviar mais, só demora um tempo extra, mas não requer nenhuma habilidade ou tática especial (só level e healing potion)

 

DRAGON AGE 01 né Lavos?

O 2 é fraco que até dói.... vejamos se o próximo se salva.


  • LavosBR curtiu isso

XBOX ONE: Day One Edition   >   WiiU: Deluxe Set   >   PS4: Sta Efigênia Edition

 

XISBURGER.png   XBRGR.png




Responder



  



Tópicos que também usam as tags review:


LojinhaDeJogos.Net Anuncie Aqui